Fibra Optica GPON

O que é GPON?

A sigla GPON (Gigabit Passive Optical Network), em português, significa Rede Óptica passiva Gigabit. É uma rede óptica com um tráfego acima de 1 Gbps, ou 1 Gigabit por segundo. A tecnologia que é desenvolvida no GPON é normatizada pelo órgão ITU-T G.984. Dentro da norma há várias partes referentes às especificidades da tecnologia, como camada física, hardware, protocolo de comunicação entre Optical Line Terminal (OLT) e as Optical Network Unit (ONU). A norma descreve todo o funcionamento do GPON, indo do G.984.1 até G.984.5.
A tecnologia PON tem sido cada vez mais incluída nos serviços oferecidos para o acesso de banda larga. O GPON é um dos padrões que faz parte das normas PON.

O que é a tecnologia PON?

PON deriva de Passive Optical Network ou Rede Óptica Passiva. Mas o que significa ser passiva? Significa que entre a OLT e a ONU ou entre o concentrador da rede e os clientes não existe nenhum elemento energizado.

No PON, a comunicação acontece baseada na óptica, na transmissão e recepção do sinal de luz. Há algumas vantagens: quando não existe energia elétrica na rede, a chance de queimar ou ter surtos entre equipamentos é zero. O tráfego de luz também permite ir até distâncias muito maiores (dependendo do equipamento, consegue-se chegar até mais de 100 km sem necessidade de amplificadores).

Qual a capacidade de tráfego do GPON?

No GPON, diferente de outras tecnologias que usam fibra óptica, a capacidade de tráfego é chamada de assimétrica. Por qual motivo? Justamente por conta da taxa de dados no sentido downstream, ou seja, o sentido do concentrador do provedor até a casa do cliente é de 2.5 Gbps(2500 Megas) e, ao inverso, alcança 1.25 Gbps(1250 Megas) no upstream. Por isso, ser assimétrico quer dizer que há uma taxa maior no downstream e uma menor no upstream.

Qual é a grande vantagem de possuir uma taxa assimétrica? Pense em quem acessa a internet, onde a maior parte do tráfego acontece na direção downstream. O usuário manda uma solicitação para acessar um endereço, como um site de filmes, e recebe uma grande quantidade de informações daquele site. É por isso que a navegação da internet deve acontecer de forma superior no sentido downstream.

O fato do downstream exigir mais faz com que a capacidade do GPON seja igualmente elevada. Assim é possível atender melhor os serviços que utilizam essa quantidade de tráfego, que podemos chamar de download, com 2.5 Gbps(2500 Megas). Se pensarmos que o upstream, ou upload, exige menos da rede, o GPON trabalha com 1.25 Gbps(1250 Megas).

GPON: sinônimo de eficiência do protocolo

Mais um conceito significativo é a eficiência do protocolo. Nesse caso, eficiência é basicamente transmitir o que é realmente útil para o dispositivo. Na comunicação de rede, há uma transmissão de dados, que são empacotados em bytes e fazem o percurso da origem até o destino final. Entretanto, é preciso sincronismo. Todo protocolo precisa de informação de sincronismo, não existe uma comunicação sem ele

No GPON, a taxa de eficiência desta informação é de 92%, isso se deve ao protocolo prever um tamanho de pacote variável de 64 bytes até 1518 bytes, que agiliza o processo ao transmitir pacotes de tamanhos reduzidos. No caso da tecnologia EPON, a norma prevê somente o tamanho de pacote fixo de 1518 bytes.